Feeds:
Posts
Comentários

Pavê de banana

 

foto-2

Na minha última ida ao supermercado exagerei na compra das bananas, fiquei pensando o que preparar para que não se estragassem. O que seria uma pena, banana tem um sabor incrível, então fiz um pavê e gostei do resultado.
Preparei sem lactose por causa do maridão, e bem light o que é o meu propósito sempre.

7 bananas maduras descascadas e cortadas ao meio

1/2 pacote de bolacha maisena

1/2 (xícara) chá de leite para umedecer as bolachas

Creme
1 litro de leite desnatado
4 colheres (sopa) de amido de milho
4 colheres (sopa) de açúcar cristal
1 colher( sobremesa) de baunilha

 

Calda para caramelizar
3 colheres (sopa) de açúcar cristal
3 colheres (sopa) de água

Farofa para polvilhar
3 bolachas maisena
2 colheres (sopa) de amendoim sem casca e torrado
Canela para polvilhar a gosto

Primeiramente prepare a farofa triturando no liquidificador as bolachas e o amendoim, guarde num recipiente e reserve. Em seguida coloque no liquidificador os ingredientes do creme e bata. Transfira para uma panela pequena e cozinhe em fogo baixo até engrossar e borbulhar.
Numa frigideira de bom tamanho coloque o açúcar cristal para preparar o caramelo, leve ao fogo baixo até que fique no tom caramelo não deixe queimar.
Acrescente a água e vá colocando as bananas para que fiquem levemente cozidas e caramelizadas, vire-as com cuidado do outro lado desligue o fogo e deixe-as dentro da frigideira.
Montagem: num refratário coloque um pouco de creme, em seguida vá colocando as bolachas umedecidas no leite uma a uma para que não amoleçam demais. Cubra com um pouco do creme espalhando bem, coloque as  bananas, polvilhe com a farofa e canela. Vá fazendo camadas até  completar com as bananas, polvilhe com a farofa e canela para finalizar. Leve a geladeira tampado e sirva bem gelado.
Rende 6 porções.

 

polen

 

Resolvi experimentar a Polentina que comprei no supermercado para ver o resultado final. Foi aprovada aqui em casa, mas não segui as dicas da embalagem, preparei a moda da Mina. Gosto do fácil e rápido e acredito que vocês idem, pois o tempo urge e nada de complicações no dia a dia, já que temos mil obrigações.

3 xícaras (chá) de água
3 xícaras (chá) de Polentina
1/4 de uma cebola média picadinha
1 colher (chá) de óleo de canola
Ervas a gosto da sua preferência

Molho
500 gramas de patinho moído só uma vez sem gordura
1 colher (sopa) de vinagre branco
1 cebola pequena bem picada
1 colher (chá) de óleo de canola
1 colher (chá) de tempero pronto de alho e sal
Salsa e cebolinha picadas a gosto
1 colher (café) de orégano
Molho de tomate a gosto
1 colher (sopa) de catchup
1 colher (sobremesa) de mostarda
1 colher (sobremesa) de molho inglês
1 colher (sobremesa) de shoyu
Queijo parmesão ralado

Primeiramente faça o molho de carne, recomendo moer a carne só uma vez e não duas, para que a carne quando estiver cozida não fique endurecida e seca. Numa panela coloque o óleo, o tempero de alho e sal e a cebola refogue até que dourem, coloque a carne, por cima o vinagre, refogue a carne rapidamente, e acrescente todos os ingredientes sempre misturando, assim que a carne estiver cozida desligue o fogo para que a carne não fique dura e reserve.
Em outra panela coloque o óleo e a cebola, refogue até que doure, acrescente a água e as ervas, deixe aquecer até quase ferver, diminua o fogo e coloque a Polentina sempre misturando até que fique uma massa bem cozida.
Decore cada prato com a polenta por cima o molho e polvilhe com o queijo ralado. Aqueça o prato tampado no micro na hora de servir por 1 minuto e 40 segundos. Rende 3 porções.
Não congele.

Bolo nega maluca

nega2

 

Bolo é sempre muito bem vindo em todas as ocasiões, com tantos sabores diferentes é uma verdadeira maravilha.
Preparei de forma light, já que usei achocolatado. Acrescentei na receita amido de milho que dá uma leveza e deixa o bolo fofo.

1 xícara (chá) de leite desnatado
1/4 xícara (chá) de óleo de canola
2 ovos inteiros
1 colher (sobremesa) de baunilha
3/4 xícara (chá) de açúcar cristal
1 xícara (chá) de achocolatado
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
2 colheres (sobremesa) de amido de milho
1 colher (sopa) de fermento em pó

Cobertura
1 xícara (chá) de leite desnatado
4 colheres (sopa) rasas de achocolatado
2 colheres (sopa) rasas de amido de milho
1 colher (chá) de baunilha
1 colher (sopa) rasa de óleo de canola

Massa do bolo
Numa vasilha coloque a farinha de trigo, amido de milho, e o fermento em pó, misture bem com o batedor. No liquidificador coloque o restante dos ingredientes e bata bem. Misture o liquido batido aos poucos na vasilha até que a massa fique bem incorporada.
Unte uma forma com óleo e polvilhe farinha de trigo, despeje a massa, leve ao forno médio até que o palito saia seco.
Se preferir faça no micro conforme já ensinei anteriormente, tomando todos os cuidados necessários para o manuseio correto do micro.
Não esquecer de umedecer com o leite aquecido o bolo feito no micro sempre após o cozimento.

Cobertura
Dissolva o amido de milho aos poucos com o leite e o achocolatado para não empelotar, e junte aos poucos o restante dos ingredientes da cobertura sempre misturando. Coloque tudo numa panela pequena e leve ao fogo baixo até que engrosse e borbulhe. Cubra o bolo já desenformado com toda a cobertura espalhando muito bem. Conserve o bolo num pote tampado dentro da geladeira.
Não congele.

 

bol

 

Adoro cenoura, estou sempre preparando algo com ela, são nutritivas e se encaixam muito bem em qualquer tipo de preparo. Juntei a batata e ficou um casamento perfeito, assim preparei um gostoso bolinho.

3 cenouras grandes raspadas, lavadas, raladas ou passadas no processador
3 batatas grandes descascadas, lavadas, raladas ou passadas no processador
1 cebola pequena picada
4 colheres (sopa) de óleo de canola
1 colher (chá) de tempero pronto de alho e sal
1 ovo batido
1 colher (café) de sal
4 colheres (sopa) de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
1 colher (café) de páprica doce
Salsa e cebolinhas picadas a gosto
Páprica doce para polvilhar
Queijo parmesão ralado para polvilhar

Numa vasilha misture todos os ingredientes, unte uma assadeira com um fio de óleo e com ajuda de duas colheres vá moldando os bolinhos, se não couber todos os bolinhos faça com duas assadeiras.
Por cima salpique a páprica doce e o queijo ralado em cada bolinho.
Leve as assadeiras para o forno já aquecido previamente, primeiro forno alto e quando os bolinhos estiverem quase assados abaixe a temperatura e deixe assando até que dourem. Vire todos do outro lado para que dourem por igual. Sirva com qualquer tipo de alimento. Podem ser congelados.
Dica: combina muito bem com uma boa sopa.

frango

 

Criei este frango bem diferente e com um belo visual e apetitoso. Uma boa maneira de sair da mesmice e todos ficarem satisfeitos em comer algo novo. Para quem cozinha todos os dias é uma tarefa bem árdua em pensar o que fazer a cada dia com variações. Completei o prato com arroz branco e um creme de milho, receita dada aqui no blog, ficou perfeito!

4 coxas e sobrecoxas desossadas sem pele e lavada
1 colher (chá) de tempero pronto de alho e sal
1 colher (chá) de páprica doce
2 colheres (sopa) de vinagre branco
Salsa e cebolinha picadas a gosto
Orégano para polvilhar a gosto
1 colher (chá) de shoyu
1 cebola grande cortada em rodelas
1 1/2 xícara (chá) de vinho tinto ou branco
1 xícara (chá) de água
10 damascos lavados e cortados ao meio
10 castanhas de caju abertas pelo meio
1 colher (sobremesa) de açúcar cristal
1 xícara (chá) de água
1 colher (sobremesa) de vinagre branco

Esterelize o frango com vinagre branco. Numa vasilha coloque o tempero pronto de alho e sal, a páprica, o vinagre, e o molho shoyu, misture e tempere os frangos nessa mistura polvilhe orégano nos dois lados de cada pedaço de frango, deixe assim por alguns minutos.
Coloque os damascos numa panela pequena com o açúcar, água, e o vinagre, leve ao fogo alto até borbulhar abaixe o fogo tampe a panela e cozinhe até reduzir quase  toda a água reserve.
Numa panela grande coloque o óleo e o frango, tampe a panela e deixe que dourem. Vire-os do outro lado e acrescente o molho do tempero e as rodelas de cebola tampe e cozinhe em fogo baixo. Misture numa vasilha o vinho com a água e despeje aos poucos por cima do frango.
Quando estiverem cozidos espalhe os damascos junto com o caldo e junte as castanhas de caju. Tampe a panela e deixe cozinhar mais 5 minutos.
Se sobrar pode ser congelado.
Rende 4 porções.

bolo queijo

Tenho feito esse bolo já algumas vezes é bom por não ser muito doce, e o queijo parmesão na receita deixa um algo a mais por conta do sabor. Haja receitas diferentes, aqui em casa bolo todos os dias da semana, eu e o meu marido gostamos do nosso café da manhã com bolo. Experimente essa receita que você também irá gostar muito. Quero lembrar que preparo todas as receitas sem lactose por causa do meu marido ter intolerância a lactose. Felizmente ficou mais fácil de encontrar leite sem lactose, mas prepare com o leite que a sua família consome diariamente.

1 xícara (chá) de leite desnatado.
1 xícara (chá) de açúcar cristal
2 ovos inteiros
1/4 xícara (chá) de óleo de canola
1 colher (chá) de baunilha
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
4 colheres (sopa) cheias de queijo parmesão ralado
1 colher (sopa) de fermento em pó
2 colheres (sopa) de queijo parmesão
Canela em pó
Açúcar cristal
1 xícara (chá) de leite desnatado aquecido

Bata no liquidificador o leite, açúcar, ovos, óleo e a baunilha, reserve.
Numa vasilha misture a farinha, fermento, e o queijo parmesão ralado, acrescente o liquido batido misture bem com o fuet até que fique uma massa uniforme. Coloque o leite aquecido para umidecer o bolo.
Por cima da massa espalhe com duas colheres o queijo parmesão ralado, salpique com canela em pó e polvilhe com açúcar cristal.
Asse no micro conforme já ensinei em outras as receitas aqui no blog, tomando todos os cuidados necessários para o manuseio correto do micro.
Com o bolo já desenformado fure com a ponta de uma faca e umideça com o leite aquecido e com ajuda de uma colher vá umedecendo todo o bolo. Se no dia seguinte o bolo ficar endurecido, umideça novamente com leite na temperatura do bolo já frio.
Se preferir asse no forno convencional até que doure e o palito fique seco.
Guarde na geladeira dentro de um pote tampado. Não há perigo de estragar se for conservado sempre na geladeira e o sabor será sempre muito bom.
Rende 10 fatias.
Não congele.

ARROZ COM AMENDOIM

arroz

Não tinha ainda experimentado comer arroz com amendoim, ou melhor não tinha me tocado como é bom de sabor. Ficou muito bom, vai bem com qualquer tipo de alimento como complemento e fica fino para servir aos seus convidados. Sirva no almoço ou jantar sem pestanejar que será um sucesso.
Para preparar aos seus convidados meça 1 xícara de café por pessoa de arroz para não haver erro de faltar e ainda sobrará um pouco. O melhor de tudo que é super rápido por ser preparado na panela de pressão. Não poderia ser mais fácil.

6 xícaras (chá) de arroz branco lavado e escorrido
1 colher (chá) de óleo de canola
1 colher (chá) de tempero pronto de alho e sal
1 cebola grande picada
1 xícara (chá) de amendoim torrado sem casca
Água

Na panela de pressão antiaderente coloque o óleo, tempero pronto, e a cebola, leve ao fogo alto até que doure sempre misturando bem.
Coloque o arroz misture bem para refogar e junte o amendoim, misture coloque a água até cobrir o arroz dois dedos acima. Tampe a panela e deixe no fogo alto por 6 minutos, desligue o fogo deixe descansar por 20 minutos para abrir a panela. Mexa todo o arroz para que fique bem solto e envolvido com o amendoim coloque numa travessa e sirva. Quando for preciso aquecer faça isso no micro. Pode ser congelado já dividido em porções.
Rende 6 porções bem fartas.
Minha dica: você pode preparar dessa maneira o arroz branco com milho, legumes variados, cenoura ralada ou o que preferir.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 76 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: