Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘torta’

sopa2

Você como eu vai pensar ao ler, como assim sopa Paraguaia????
Só quando preparei a receita entendi melhor fica parecendo mesmo uma sopa, mas depois de ir ao forno é que fica uma torta.
Essa iguaria é bastante consumida pelos paraguaios, desde a guerra do Paraguai, onde os camponeses paraguaios e os soldados que levavam para os campos de batalhas por ficarem bem alimentados.
Se criou uma lenda que na época da guerra, por ser mais prático não levar líquidos acabaram colocando mais milho na receita que acabou virando uma torta.
Mas essa iguaria até hoje é muito consumida também no Mato Grosso do Sul, desde o café da manhã, almoço e jantar. Os turistas se deliciam com essa iguaria.

Existe uma lenda que diz que uma cozinheira errou a receita ou se distraiu e o caldo que deveria ser uma sopa acabou engrossando, então foi colocado mais farinha de milho na panela e acabou virando uma torta. Quando foi servir o jantar no lugar da sopa foi servida a torta.
O dono da casa era então o ditador Carlos López do Paraguai entre 1844 e 1862. Ele gostou tanto da iguaria que passou a ser servida dessa maneira e o nome se conservou como Sopa Paraguaia.

500 gramas de milharina
2 latas de milho
3 cebolas picadas
2 ovos batidos
1/2 xícara (chá) de óleo de canola
1 pacote (50g) de queijo parmesão ralado
1 pedaço de queijo fresco
1 litro de leite desnatado fervente
1 colher (sopa) de fermento em pó
1/2 colher (sopa) de açúcar cristal
1 colher (chá) de sal

Bata o milho no liquidificador com 1 xícara e 1/2 de água e reserve.
Refogue numa panela as cebolas com 1 colher chá de óleo de canola até que fiquem bem douradas.
Junte o leite fervente sempre misturando, o milho a milharina aos poucos, o açúcar, os ovos, e o sal.
Adicione pedaços de queijo fresco e por último o fermento em pó misture muito bem, espalhe o óleo por cima do queijo ralado.
Aqueça o forno em 200 graus, coloque a massa numa assadeira retangular untada com um fio de óleo bem espalhada em toda assadeira, coloque a massa espalhe bem para que fique bem uniforme leve ao forno por mais ou menos 30 minutos até que fique dourada e assada.
Deixe esfriar por uns 6 minutos antes de cortar em quadrados e desenformar.
Sirva quente. Rende uma assadeira grande guarde em um pote tampado na geladeira se sobrar.

Anúncios

Read Full Post »

Nada como preparar um lanche bem rápido e saboroso é sempre o meu propósito. Minha cabeça está sempre a mil para criar e preparar alimentos rápidos e fáceis.
Com tanta correria temos mesmo que simplificar, não é?
Temos uma boa sugestão para o jantar. Aqui em casa esta torta acompanha um café com leite bem quentinho, mas você pode optar por uma vitamina, sucos ou o que preferir.

torta de atum

Para a massa

1 ovo inteiro
1/4 xícara (chá) de óleo de canola
1 xícara (chá) de leite desnatado ou soja (para os intolerantes a lactose)
1 xícara (chá) de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó

Para o recheio

1 lata de atum light escorrido e amassado com o garfo
1 tomate picado
1 cebola média picada
Orégano a gosto
Salsa e cebolinha picada a gosto
1 colher de (chá) de azeite
1/2 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de caldo pronto líquido de casa, o sabor que preferir
1 colher (chá) de vinagre branco

Misture tudo e reserve. Salpique por último com 2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado.

Como preparar
Bata no liquidificador os ingredientes da massa.
Num refratário redondo para torta, pincele o fundo e laterais com um fio de óleo de canola. Despeje a massa batida. Por cima, espalhe o recheio todo por igual.
Salpique com o queijo ralado e leve ao forno médio até dourar.

Essa foi a minha sugestão de recheio, mas você pode experimentar outros que desejar.
Rendimento, 4 porções.

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: